Minhas Artes

  • Acadêmica de Conservação e Restauro (UFPel)
  • pintura em tela e madeira
  • textos e poemas
  • tricô

Amo gatos!

Desmanchando os Dramas

quinta-feira, 5 de março de 2009

Colete de Pala Atravessada


Este colete foi a Eliana, de Ijuí, participante do projeto TriTchê, que enviou a foto para a comunidade das Tricoteiras Solidárias no tópico "Decifrando o vestido da Rita" ( vestido coletivo) e que postei a receita no link:

http://tramas100dramas.blogspot.com/2009/02/vestido-trancado.html

A foto não tinha receita, mas Helô, também participante do TricôTchê e amiga da mesma comunidade, perguntou se eu sabia como fazer esta peça. Não sei. Para mim, só sei de fato, e de direito, depois que eu tricotar o modelo, mas como a essência é a mesma, a pala atravessada, com carinho eu posto para Helô e Eliana minhas percepções desta peça.

Material:
Lã grossa (espessura no mínimo de Família da Pingouin)
Agulha indicada no rótulo (a de número maior).


Pontos empregados:
Cintura: ponto santa clara ( sempre t)
Pala atravessada : 3t de borda+ trança fantasia de 9p+3t+8m
Gola: ponto de barra 1x1


Modo que eu faria:

Cintura:

Comprimento:

Notem que é como uma faixa, enrolada na cintura, portanto, é feita atravessada. Medir a circunferência da cintura, sem apertar a fita métrica, esse é a medida do comprimento dessa faixa.

Largura:

No modelo tem 20p, mas isso pode ser personalizado.Eu jamais faria nesta altura, por causa da “samanta”.Tu não sabes o quem é a “Samanta”?
Samanta é “essssssssssssa manta de gordura que se tem na cintura”!!!! ( gargalhadas).

Pala:

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE:
ESTA RECEITA NÃO ME PARECE TER DIMINUIÇÕES EM CARREIRAS NA PALA. ME PARECE SER FEITA RETA. O AFUNILAMENTO DO COLO É NO "PUXAR" OS PONTOS PARA FAZER A GOLA.

A explicação desta conclusão está no link do "feioso" desmanchado, a primeira peça que fiz neste estilo:

http://tramas100dramas.blogspot.com/2008/07/palas-trabalhadas-e-atravessadas.html

Resumindo o link para este raciocínio: é que lã grossa aparece demais as lacunas deixadas nas diminuições em carreiras. Essas lacunas formam buraquinhos, escondidos bem ao lado das transagens, mas quanto mais grossa é a lã e a agulha, mais abertos esses buraquinhos ficam, pelo peso e pela tensão, prejudicando o acabamento do modelo.

Comprimento:

Medir a circunferência formada do corpo+ braços abertos em 90°. Sem apertar a fita métrica.

Largura:

3t, trança fantasia 9p. x10carr, 3t, 9m


Receita:

1ªcarr:9m, 3t, 9m, 3t
2ªcarr e todas as pares: acompanhar
3ªcarr:9m, 3t, 3pet, 3m, volta 6m,3t
5ª,7ª, 9ª, 11ªcarr: acompanhar
13ªcarr: 9m, 3t,3m, 3pef, 3m, volta 3m, 3t
15ª, 17ª, 19ª, 21ªcarr: acompanhar
23ªcarr: reiniciar na 3ªcarr

Legenda da receita:

m: malha
t: tricô
carr:carreira
pef: pontos em espera para frente
pet: pontos em espera para trás
voltar: volta das esperas
acompanhar: tecer o ponto como se vê.

Gola:

Cada uma tem sua maneira de fazer os pontos de borda e isso pode dar diferença na maneira de pegar os pontos da pala para fazer a barra da gola. Eu teço normalmente os pontos de borda como eles se apresentam, então, nas laterais, fica um anel grande e um nozinho.
O normal seria pegar 2 anéis e 1 nó, 2 anéis e 1 nó por todo o comprimento da lateral da pala, mas como precisamos afunilar ( diminuir) pega-se só os anéis. Para que não fiquem buraquinhos nestas "pegadas", já na primeira carreira da barra 1x1 se torce os pontos e depois deve-se seguir reto por mais ou menos 40 carr. `
Notem que a gola, no pescoço, é grande e enrolada, mas não é ponto de barra como no peito. É ponto tricô que aparece. Então, concluo que é ponto malha no direito e tricô no avesso. No entanto, quando se sai de um ponto de barra e vai para o malha, naturalmente o trabalho mais largo, muito mais com agulhas grossas. Para dar um efeito mais fechado na gola, mas ainda deixando grande deve-se diminuir novamente, talvez uns 20p do total e seguir reto com a mesma agulha, em ponto malha, por mais umas 60carr, ou mais. Rematar.


Montagem:


Costurar a lateral da gola e da pala, dar a simetria das cavas e a centralização da cintura para costurar a faixa da cintura. Costurar a lateral da cintura e fixar na pala.
A costura de todas as partes faço em grafting e, na parte da pala, deixo sempre no ombro.

Costura em grafting:
http://picasaweb.google.com/tramas100dramas/1001PontosParte1#5225562664639434098

6 comentários:

Ketty Marques disse...

Parabéns, outra excelente postagem, um presente a todas nós!!
Beijos

Fefê disse...

Você nao vende e manda pelo correio??? Se sim, entre em contato pelo email feolpe@yahoo.com.br
Abraços
fernanda

Fefê disse...

Voce não faz e manda pelo correio? Se sim, manda contato pro meu email: feolpe@yahoo.com.br

Obrigada, beijos

Fernadna

Daiane disse...

Ola! Parabéns pelos seus trabalhos.
Conheci seu blog recentemente.
Me inspirei neste Colete de Pala Atravessada.Acabei fazendo de uma forma diferente. Mas gostaria de colocar o link do seu blog no meu se vc não se importar.
Bjks Daiane.

http://maisqueartesanato.blogspot.com/

Anônimo disse...

Você, não só é inteligente,como é muito generosa.Deu uma explicação digna de uma mestra. Parabens,pelo magnifico trabalho.
Herrera.elaine@ymail.com

marisa disse...

Gostei muito do modelo e de sua forma tão clara em explicá-lo. Também gosto de tricô. Parabéns.